Da escola de guerra da vida - o que não me mata, fortalece-me.

Friedrich Nietzsche

Friedrich Nietzsche

Profissão: Filósofo
Nacionalidade: Alemão

Sugestões para você :

Uma alma que se sabe amada, mas que por sua vez não ama, denuncia o seu fundo: - vem á superfície o que nela há de mais baixo.

Julga-se que a necessidade cria a coisa; mas é a coisa, na maior parte das vezes, que cria a necessidade.

A vítima esta sempre alheia ao mal.

O filósofo representa a espécie superior, contudo bastante mesquinha, até ao presente. A espécie que o artista representa, sendo embora inferior àquela, é a que mais bela e ricamente é desenvolvida.

É preciso ser-se imoral para pôr a moral em acção. Os meios dos moralistas são os meios mais asquerosos que alguma vez foram usados. Quem não tiver a coragem de ser imoral, pode até servir para tudo, excepto dar em moralista.

O melhor amigo terá provavelmente também a melhor mulher, porque o bom casamento residente no talento da amizade.

Aquele que não quer ver o que é elevado num ser humano olha com tanto maior acuidade para o que é nele baixo e superficial - e com isso denuncia a si mesmo.

Toda a moral não é, no fundo, senão uma forma depurada de medidas desenvolvidas por toda a vida orgânica para se adaptar e, conjuntamente, se alimentar e conseguir poder.

E nenhuma chama nos devora tão rapidamente quanto os afetos do ressentimento.

Qual é a marca da liberdade realizada? Não mais corar de si próprio.

Então a multidão dispersou-se, porque até a curiosidade e o pavor se cansam...

Os métodos são as verdadeiras riquezas.

A economia da bondade é o sonho dos mais arrojados utopistas.

A vida mais doce é não pensar em nada.