Há uma inconstância que vem da ligeireza de espírito ou da sua fraqueza, e que lhe faz aceitar todas as opiniões alheias, mas há outra, mais desculpável, que vem do tédio das coisas.

François de La Rochefoucauld

François de La Rochefoucauld

Profissão: Autor
Nacionalidade: Francês

Sugestões para você :

Por vezes, requer tanta habilidade saber aproveitar um bom conselho, como saber aconselhar-se a si mesmo.

Ainda que seja raro o verdadeiro amor, é no entanto menos raro que a verdadeira amizade.

O espírito afeiçoa-se por preguiça e por constância àquilo que lhe é fácil ou agradável. Este hábito limita sempre o nosso conhecimento e nunca ninguém se deu ao trabalho de engrandecer e de levar o seu espírito tão longe quanto ele poderia ir.

Perdoamos na medida em que amamos.

Todo o cuidado que tenhamos em cobrir as nossas paixões, seja com a máscara da piedade seja com a da honra, é pouco, elas acabam por romper sempre esses véus.

Raramente conhecemos alguém de bom senso, além daqueles que concordam conosco.

Tememos tudo como mortais, mas desejamos tudo como se fossemos imortais.

Há boas qualidades que degeneram em defeitos quando são naturais e outras que nunca são perfeitas quando adquiridas. É preciso, por um lado, que a razão nos faça obreiros do nosso bem e da nossa confiança; é preciso, por outro, que a natureza nos dê bondade e coragem.

Chegamos sempre como novos a todas as idades da vida e muitas vezes com falta de experiência, apesar do número de anos.

Ê quase sempre culpa de quem ama não se aperceber quando deixa de ser amado.

Há várias espécies de curiosidade: uma, que nos vem do interesse, leva-nos a querer aprender o que nos pode ser útil, e a outra, que nos vem do orgulho, leva-nos a querer saber o que os outros ignoram.

Há pessoas que a sociedade aprova, cujo único mérito consiste nos vícios que servem ao comércio da vida.

As querelas não durariam muito se não houvesse um único ofendido.

Raramente conhecemos alguma pessoa de bom senso além daquelas que concordam conosco.